em Perguntas frequentes

Teste Genético Pré Implantacional (PGD)

PGD

O teste genético pré implantacional (PGD) é um procedimento realizado em laboratório, juntamente com uma fertilização in vitro (FIV).

A partir do terceiro dia após a fecundação, é possível obter material genético do embrião para avaliação.

O material genético de uma ou mais células do embrião é enviado ao laboratório, que realizará o teste. O teste fica pronto em algumas horas Enquanto isso, o embrião cresce em uma estufa.

Este procedimento não traz prejuízos para o embrião.

Quais doenças o PGD detecta?

 

Com o PGD, as células do embrião podem ser testadas para genes que produzem doenças específicas.

Entre elas podemos citar: Síndrome de Down, Síndrome de Edwards, Síndrome de Patau, Síndrome de Klinefelter, distrofia muscular, e hemofilia.

O resultado mostrará se o embrião é normal (ausência de doença) ou afetado (possui alguma doença).

Este teste também pode demonstrar se o embrião possui alguma alteração genética, mas não é afetada por ela (portador).

Um portador é quem possui alteração no seu DNA, porém, não manifesta doença, mas pode passar esta doença para seus filhos.

 

Quem pode fazer o teste genético pré implantacional?

 

  •  Casais com alteração de cariótipo, que apresentam risco elevado de transmitir alterações para os filhos
  • Idade materna maior do que 40 anos
  • Outros filhos com alterações genéticas
  • Abortamentos de repetição (3 ou mais na sequência)
  • Falhas em tratamentos de FIV prévios. (3 ou mais na sequência)
  • História de doenças genéticas na família.
  • História de doneças ligadas ao sexo na família.

 

Como o PGD é realizado?

 

O material genético é colhido diretamente do embrião (a partir do 3º até o 5º dia de desenvolvimento), através de biópsia (retirada uma ou mais células). Este material é enviado a um laboratório especializado que realiza o teste.

Em algumas horas o resultado está pronto, enquanto isso, o embrião desenvolve em uma estufa.

Após o resultado, é analisado se o embrião é afetado ou não por alguma doença.

Só serão colocados no útero, embriões que não sejam afetados por nenhuma doença.

 

Quem pode indicar o PGD?

 

Normalmente, este teste é oferecido antes de se iniciar o tratamento de FIV (fertilização in vitro), pelo profissional que está conduzindo o caso.

 

Se você tem alguma dúvida, entre em contato clicando aqui.

Se você acha que estas informações foram úteis, e podem ajudar alguém que você conhece, compartilhe esta informação.

Curta nossa página no Facebook e receba posts sobre este assunto periodicamente.

 

Dr. Gustavo Wandresen

CRMPR 22911

 

 

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

endometriosefertilização in vitro curitiba